Projeto estende direitos trabalhistas a treinadores de todos os esportes coletivos

25/07/2016 19:08

A legislação atual garante direitos e deveres trabalhistas apenas a treinadores profissionais de futebol. O Projeto de Lei do Senado (PLS) 522/2013 estabelece que qualquer atleta ou ex-atleta com experiência comprovada de, no mínimo, cinco anos de prática do esporte possa se tornar treinador de esporte coletivo. Para o senador Romário (PSB-RJ), as mudanças contribuem para a eficiência do exercício da profissão de treinador, além de garantirem proteção trabalhista. Segundo ele, “o grande mérito da iniciativa é democratizar o exercício da profissão”

Fonte:Agência Senado