Governo entrega 300 jogos de uniforme a recuperandos de unidade penal

02/01/2017 10:46

 

 

O trabalho conjunto realizado entre o Governo de Mato Grosso e o Conselho da Comunidade de Barra do Garças (520 km de Cuiabá) possibilitou a entrega de 300 jogos de uniforme aos recuperandos da unidade prisional do município. O diretor da Cadeia Pública, Jaílson André da Costa e Silva, diz que os novos uniformes dão aos assistidos condições de vestuário para o cumprimento da pena dentro da disciplina.

“A confecção dos uniformes para os detentos foi possível graças a parceria entre Conselho da Comunidade, Judiciário e Promotoria da Comarca de Barra do Garças”, destaca Jaílson da Costa e Silva. 

“O Judiciário e a Promotoria viabilizaram recurso no valor de R$ 5.228,19, para aquisição da matéria-prima, os uniformes foram confeccionados pelos recuperandos do projeto 'Costurando Sonhos' e do programa 'Novos Passos', ambos executados na Cadeia Pública de Barra do Garças”, completa o gestor.

O presidente do Conselho da Comunidade, José Alves Piedade, fez a entrega acompanhado do juiz Titular da 1ª Vara Criminal, Dr. Carlos Augusto Ferrari; do promotor de Justiça Wdison Franco Luiz Mendes e do coordenador do Programa "Novos Passos", Eduardo dos Santos Vieira, psicólogo da Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh-MT) que atende na unidade.

Fábrica de confecções e serigrafia
No início de 2015, a Cadeia Pública ganhou a instalação de uma fábrica de confecções e serigrafia. 
O barracão onde foi instalada a fábrica foi construído com recursos oriundos de transações penais e multas extrajudiciais, que somaram valor aproximado de R$ 130 mil. A produção é destinada aos parceiros do Governo do Estado, empresas privadas, prefeitura da cidade, e atende ainda demanda do sistema penitenciário. 

“Temos formado parcerias com instituições estaduais e federais, empresas privadas e com a sociedade civil, de um modo geral, para oferecer cursos de qualificação com a finalidade de profissionalizar e inserir os recuperandos no mercado de trabalho após o cumprimento da pena”, diz o titular da Sejudh, Márcio Frederico de Oliveira Dorilêo.
 
A Sejudh-MT, por meio da Fundação Nova Chance (Funac), sempre buscou contribuir para a reinserção social de homens, mulheres e adolescentes privados de liberdade, ressocializando-os por meio de educação, profissionalização, trabalho, geração de renda e assistência à família, com servidores qualificados e parceiros co–responsáveis.

 

 

Fonte: Sejudh-MT